Blog

Conta de Luz: economize após o horário de Verão 

No último dia 17 de fevereiro, muitos brasileiros suspiraram ao terem que ajustar os seus relógios após o fim do horário de verão. O período é amado por alguns, que adoram a luminosidade do dia, e odiados por outros que detestam acordar antes do amanhecer. 

Eficaz ou não, é consenso que pequenas mudanças nos nossos hábitos podem contribuir para a redução no consumo. Ótimo para a natureza e melhor ainda para o seu bolso, confira: 

Olho na potência 
Um ambiente excessivamente iluminado desperdiça energia. Adapte lâmpadas cujas potências correspondam tanto à finalidade quanto à atmosfera que você gostaria de criar. 

Foco 
Além da potência, é necessário selecionar a iluminação ideal com base nas necessidades de um espaço específico. Por exemplo, desligue a luz do teto e utilize candeeiros ou luminárias de mesa quando o foco é um determinado móvel, como escrivaninha. 

Cortinas 
Aproveitando que às 19 horas ainda está claro, abuse da luz natural. Pela manhã, abra as cortinas ao invés de acender a artificial 

Detectores 
Ao instalar iluminação em ambientes externos, certifique-se que as luzes tenham sensores de movimento embutidos, para que operem somente quando necessário. 

Limpeza 
Por mais incrível que possa parecer esse conselho, manter as lâmpadas, luminárias e abajures sujos podem obstruir grande parte da iluminação. 

Substitua 
Mais fácil do que trocar uma lâmpada é economizar energia com a tecnologia LED. Além de reduzir em até 80% o consumo, podem durar 25 vezes mais do que as tradicionais. 

Recarga 
Dispositivos que exigem recargas, como baterias de celulares, continuarão consumindo energia se estiverem acopladas mesmo após o recarregamento. 

Desligue 
Essa dica é tão antiga quanto a energia elétrica: ao parar de utilizar as luzes e os aparelhos eletrônicos, desligue e desconecte-os da tomada, isso vale também para o chuveiro em dias de intenso calor! 

 

19/02/2019

RECEBA NOSSAS NOVIDADES